Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Mulher morta a tiros em Juazeiro e jovem assassinado esta madrugada na Betolandia


Ana Lúcia era acusada do tráfico de drogas e Arthur não tinha passagens pela polícia (Foto: Reprodução)


Dois homicídios foram registrados num curto intervalo de quatro horas entre a noite de ontem e a madrugada desta quarta-feira, respectivamente, nos bairros Timbaúbas e Betolandia em Juazeiro do Norte. Com estes, já são nove assassinatos em agosto e 92 no ano. Por volta das 20 horas, na Rua Domingos Sávio imediações do Cemitério Parque das Flores, Ana Lúcia Agostinho de Morais, de 45 anos, que residia no bairro Timbaúbas, foi executada a tiros.

O homicídio ocorreu na calçada do imóvel 1508 daquela via aonde a polícia esteve, mas não conseguiu informações sobre a autoria. O SAMU ainda foi acionado, porém os profissionais de saúde apenas constataram o óbito. Segundo a polícia, Ana Lúcia respondia Ação Penal por posse de arma e tráfico de drogas a qual foi protocolada no último dia 22 de maio na 2ª Vara Criminal da Comarca de Juazeiro.

O outro homicídio aconteceu no início da madrugada desta quarta-feira no conjunto habitacional Minha Casa Minha Vida do bairro Betolandia. O jovem Arthur Feitosa de Brito Bitu, de 22 anos, residia na Rua 11, número 79 daquele conjunto e tombou sem vida dentro de uma casa na Rua 9 Quadra Q, número 109 onde tentou se refugiar.

O rapaz pilotava uma moto Honda Titan 160 de cor preta e placa PMO-0611, inscrição de Juazeiro, levando na garupa uma garota de iniciais G. S. A., de 17 anos, residente na Rua Ernestina Sobreira perto da Escola Maria Amélia. Ele passou a ser perseguido por duas pessoas em um carro as quais o alvejaram com vários tiros após alcançarem. No imóvel reside Francisco Elionardo Almeida, de 50 anos, que abriu a porta ao ouvir os estampidos.

Por Demontier Tenório///miseria.com.br

Exclusivo! Preso acusado de matar a namorada em Caririaçu a qual estava grávida


Jefferson é acusado de matar sua namorada Sayure (Foto: Reprodução/Redes sociais)


Policiais civis cumpriram mandado de prisão preventiva expedido pela justiça e prenderam no final desta manhã o jovem acusado de matar sua namorada na noite de sexta-feira em Caririaçu. A princípio identificado apenas por Jefferson Matteus e morador do bairro Triângulo, ele foi apresentado agora há pouco ao Delegado Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte, Juliano Marcula, e será submetido a uma série de exames na Perícia Forense.

O corpo de Sayure Alves Nobre, de 18 anos, que residia na Rua Vereador Antonio Brás (Limoeiro) em Juazeiro, foi encontrado por volta das 20h30min da última sexta-feira com uma perfuração à bala na nuca. O cadáver se encontrava as margens da CE-060 perto do lixão na entrada de Caririaçu. A jovem estava com três meses e duas semanas de gravidez, mas a família não sabia.

Segundo informações de amigas próximas, Sayure vinha escondendo a gravidez dos familiares e teria decidido contar no domingo, dia dos pais. Entretanto, foi assassinada dois dias antes. O namorado não queria assumir a criança e teria sugerido um aborto com o que a garota não concordava. Por isso, vinha sofrendo ameaças de morte e protelando dar a notícia da gravidez aos parentes.

Existem ainda informações que, na sexta-feira, ele teria marcado um encontro com a mesma para assistir a um filme no Cariri Garden Shopping em Juazeiro. Não o encontrado no local, Sayure teria ligado para Jefferson o qual falou que mandaria um mototaxi apanhá-la para irem a outro lugar. Supostamente, seguiu com a namorada na direção de Caririaçu com o objetivo de matá-la.
Por Demontier Tenório///miseria.com.br

VETERANAS DISPUTAM O MISS BRASIL E JÁ SURGEM COMO FAVORITAS AO TÍTULO NESTA SÁBADO


As misses RJ, RS e MT: disputa de veteranas
As misses RJ, RS e MT: disputa de veteranas Foto: reprodução/instagram
https://extra.globo.com/
O Miss Brasil que acontece neste sábado pode trazer ao público aquela sensação de déjà vu, ou seja, na passarela estarão alguns rostos e corpos já conhecidos de quem ama acompanhar o desfile de beldades. As veteranas em concursos de beleza dominam a cena e lutam para mais uma vez chegar ao Miss Universo. Algumas já surgem, inclusive como favoritas.
Isabel Correa, Miss Rio de Janeiro
Isabel Correa, Miss Rio de Janeiro Foto: reprodução/instagram
Caso da carioca Isabel Correa, representante da Baixada. A estudante de recursos humanos, de 28 anos, tem sua última chance no concurso porque já atingiu a idade máxima. E ela é persistente. A moça já foi vice Miss Rio de Janeiro duas vezes e chegou até a concorrer pelo Rio Grande do Sul.
Isabel Correa, Miss Rio de Janeiro
Isabel Correa, Miss Rio de Janeiro Foto: reprodução/instagram
Juliana Mueller, Miss Rio Grande do Sul
Juliana Mueller, Miss Rio Grande do Sul Foto: reprodução/instagram
O ranking das misses apontadas como as mais belas desta edição ainda conta com Juliana Mueller, de 25 anos, estudante de gestão financeira. Ela já trabalha como modelo desde que foi eleita Garota Verão, em 2009. A gaúcha morou em vários países por causa da profissão, é fuente em inglês e já é dada até por sites internacionais especializados como a próxima Miss Brasil.
Juliana Mueller, Miss Rio Grande do Sul
Juliana Mueller, Miss Rio Grande do Sul Foto: reprodução/instagram
No páreo, no entanto, aparecem a Miss Roraima, Nathália Lago. Aos 25 anos, a morena é, na verdade, paraense e conhecida na região por trabalhar como repórter de TV. Em 2016, ela já havia conquistado o yterceiro lugar no Miss Pará. De Minas Gerais tem Jessica Porto. Modelo, de 25 anos, ela já fez campanha para grifes como Cartier.
Iully Thaíssa, Miss Pernanbuco
Iully Thaíssa, Miss Pernanbuco Foto: reprodução/instagram
Na briga pelo título estão ainda, Iully Thaísa, de Pernambuco, e Aline Fontes, do Mato Grosso. A primeira é de Recife, tem 22 anos e desde os 15 trabalha como modelo e tentou a sorte em outros concursos de beleza pelo país. A loira Aline, de 20 anos, é estudante de Direito e filha do ex-prefeito de Cáceres, cidade pela qual concorreu.
Iully Thaíssa, Miss Pernanbuco
Iully Thaíssa, Miss Pernanbuco Foto: reprodução/instagram
As misses de Roraima, Minas Gerais, Pernambuco, Mato Grosso e Rio Grande do Sul também têm títulos variados nesse mundo, e já são apontadas como as mais belas dessa edição.
Aline Fontes, Miss Mato Grosso
Aline Fontes, Miss Mato Grosso Foto: reprodução/instagram
Aline Fontes, Miss Mato Grosso
Aline Fontes, Miss Mato Grosso Foto: reprodução/instagram
Jessica Porto, Miss Minas Gerais
Jessica Porto, Miss Minas Gerais Foto: reprodução/instagram
Jessica Porto, Miss Minas Gerais
Jessica Porto, Miss Minas Gerais Foto: reprodução/instagram
Nathália Lago, Miss Roraima
Nathália Lago, Miss Roraima Foto: reprodução/instagram
Nathália Lago, Miss Roraima

Documento sigiloso da Secretaria de Segurança revela que Rio tem 843 áreas dominadas por bandos armados


Cidade de Deus é a área dominada pelo crime organizado mais violenta do estado
Cidade de Deus é a área dominada pelo crime organizado mais violenta do estado Foto: Márcio Alves / márcio alves/10.07.2017
Rafael Soares /EXTRA
O EXTRA teve acesso ao teor de um documento classificado como sigiloso pela Secretaria de Segurança do Rio, que só poderá ser tornado público, no mínimo, em 2021. A preocupação em esconder a informação tem explicação: é a primeira vez que o estado quantifica e mapeia as áreas que estão sob o controle de grupos armados. E o número de territórios onde a Constituição brasileira não vale nada é alarmante: 843.
Para se ter uma ideia do tamanho do problema, só as dez regiões mais violentas somam uma área de 23km quadrados. Maior do que o município de Nilópolis, que tem 19km quadrados.
Chamadas de “territórios controlados ilegalmente”, as regiões não englobam somente favelas, mas também conjuntos habitacionais, imóveis específicos e até algumas vias urbanizadas.
O mapeamento foi feito entre os anos de 2015 e 2016 por analistas do Instituto de Segurança Pública (ISP), com base em informações levantadas pela Polícia Militar, Subsecretaria de Inteligência (Ssinte) e Disque-Denúncia.
UPPs em seis das dez áreas mais violentas
Diversas áreas que o estado já considerou “pacificadas” estão na lista de territórios dominados por grupos armados mapeadas pela Secretaria de Segurança. E são maioria no ranking das localidades mais violentas. Das dez áreas com mais vítimas de homicídios, latrocínios (roubos seguidos de mortes), lesões corporais seguidas de mortes e autos de resistência — em suas formas consumadas e tentadas —, seis abrigam bases de UPPs.
A área que encabeça a lista, com mais de 70 vítimas em 2016, é a Cidade de Deus, na Zona Oeste, que tem uma UPP desde 2009. A Mangueirinha — única comunidade fora da capital com uma unidade, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense — ocupa a segunda posição, com 50 vítimas. Também aparecem na lista o Complexo do Alemão, a Mangueira e o Jacarezinho, na Zona Norte, e a Vila Kennedy, na Zona Oeste.
No estudo, o pesquisador também calcula as mortes violentas que ocorreram num perímetro de até 100m fora das 843 áreas. Segundo Gonçalves, esses territórios também sofrem influência de grupos armados. Contabilizando os crimes dessas regiões, o número de assassinatos salta de 1.023 para 1.628.
https://extra.globo.com

Ceará é o estado mais violento do Brasil nos registros de homicídios em 10 anos

O Ceará é o campeão da violência armada no Brasil que produz assassinatos. A comprovação é de uma pesquisa publicada pelo Jornal carioca O Globo nesta terça-feira (15), que apontou a variação nas taxas de homicídios por cada grupo de 100 mil habitantes em 10 anos, entre 2005 e 2015.

No Ceará, a pesquisa aponta que o estado a variação no período foi de, nada menos, que 126,39 por cento. Em 2005, o Estado apresentou uma taxa de 18,64 mortos por cada grupo de 100 mil habitantes. Dez anos depois, em 2015, esse patamar subiu para 42,2 mortos.

A reportagem explica que os números são crescentes em todo o País, praticamente, porém, alguns estados se destacam na piora demasiada dos índices de mortes violentas. Além do ceará, o campeão no ranking da violência, segundo o estudo, se destacam negativamente também os estados do Amazonas (com variação de 107,29), Maranhão (103,21), Rio Grande do Norte (97,51), Goiás (97,34), Paraíba (94,93) e Rio Grande do Sul (70,25).

Violência

Diante do cenário de violência no estado, o senador cearense Eunício Oliveira (PMDB), utilizou a ordem do dia no Senado, nesta terça-feira (15), para lamentar o quadro de completa insegurança no Ceará. “Infelizmente, o meu estado é o campeão da violência. Não sou eu que estou dizendo isso, é a reportagem publicada que se baseia nos números oficiais do Páis”, ressaltou.

Ele informou que, diante da crise da Segurança no País, vai acelerar a apreciação pelo Congresso Nacional das propostas que visem o combate à violência e à criminalidade. Junto com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, Oliveira vai criar uma comissão que irá tratar do assunto para por na pauta de votações, o mais breve possível, tais projetos.

Entre as propostas estão a de endurecimento nas leis para a punição do crime organizado, especialmente, os crimes praticados por facções criminosas, como as que hoje atuam no Ceará, deixando um rastro de sangue. Em apenas sete meses de 2017, já são cerca de três mil homicídios no estado, crimes que só aumentam no dia a dia por conta da disputa das facções por territórios e o predomínio na venda de drogas.

Veja infográfico das taxas de homicídios no País em 10 anos (oscilação dos crimes): produzido por O Globo.

Viatura capota com PMs em Maranguape


Foto_VC_Reporter_Whatsapp_
Uma viatura da Polícia Militar capotou com três policiais, na manhã desta quarta-feira (16), em um trecho da CE-065 que passa pelo município de Maranguape. Segundo informações do tenente coronel Ronaldo da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), um dos PMs sofreu escoriações leves, já o segundo precisou de maiores cuidados. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada para realizar atendimento. A informação é do Diário do Nordeste.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) para saber detalhes da ocorrência, mas o órgão ainda apura informações sobre o caso.

Governo propõe salário mínimo R$ 10 menor em 2018, de R$ 969



Governo baixou em R$ 10, de R$ 979 para R$ 969, a previsão para o salário mínimo em 2018. A redução, se confirmada, deve gerar uma economia de R$ 3 bilhões ao governo no ano que vem (veja mais abaixo neste texto).
A mudança foi divulgada pelo Ministério do Planejamento. Atualmente, o salário mínimo está em R$ 937.
Na terça, o governo propôs elevar o teto para o rombo das contas públicas em 2017 e 2018 para até R$ 159 bilhões e anunciou uma série de medidas para aumentar a arrecadação e reduzir custos, entre elas o adiamento de reajustes a servidores e a criação de um teto salarial para o serviço público.
De acordo com o governo, as medidas são necessárias porque a arrecadação com impostos e tributos está mais baixa que a prevista, reflexo da recuperação da economia que é mais lenta que a esperada.
Atualmente, cerca de 45 milhões de pessoas no Brasil recebem salário mínimo, entre elas aposentados e pensionistas, cujos benefícios são, ao menos em parte, pagos pelo governo federal, já que a Previdência é deficitária (arrecada menos do que gasta).
Com o salário mínimo menor, portanto, o governo economiza nas despesas com o pagamento desses benefícios.

Porque o mínimo deve ficar menor?

O reajuste do salário mínimo é feito por meio de uma fórmula que soma:
  • A variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano ano anterior, calculado pelo IBGE;
  • E o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes.
No caso de 2018, portanto, será somado o resultado do PIB de 2016, que foi de queda de 3,6%, com o INPC de 2017, que só será conhecido no começo do ano que vem.
Como o PIB teve forte retração em 2016, a correção do mínimo no ano que vem levará em conta somente a variação do INPC de 2017. Entretanto, o governo está prevendo agora que a variação do INPC será menor que a estimada antes. Por isso a correção do do salário mínimo em 2018 também deve ser menor.
A previsão de que o salário mínimo no ano que vem seria de R$ 979 está na proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2018, enviada pelo governo ao Congresso em abril e sancionada pelo presidente Michel Temer no início de agosto.

Economia de R$ 3 bilhões em 2018

Com a decisão de concecer um reajuste R$ 10 menor ao salário mínimo no próximo ano, o governo economizará cerca de R$ 3 bilhões em gastos em 2018.
"Cada um real de aumento no salário mínimo gera um incremento de R$ 301,6 milhões ao ano nas despesas do governo", informou o Planejamento na proposta da LDO encaminhada ao Congresso em abril.
Números oficiais mostram que o benefício de cerca de 66% dos aposentados equivale ao salário mínimo. A correção do mínimo também impacta benefícios como a RMV (Renda Mensal Vitalícia), o seguro-desemprego e o abono salarial.
O valor do salário mínimo proposto para o próximo ano ainda está distante do valor considerado como "necessário", segundo cálculo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).
De acordo com o órgão, o salário mínimo "necessário" para suprir as despesas de uma família de quatro pessoas com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência deveria ser de R$ R$ 3.810,36 em julho deste ano.

Mataram uma mulher em Juazeiro do Norte

As 20h13min., a com posição da CP2571 foi acionada para uma denúncia de lesão corporal a bala, na rua Domingos Sávio nº 1508, no bairro Timbaúbas, e ao chegar no local, encontrou uma pessoa do sexo feminino ao solo na calçada da residência informada com várias lesões a bala pelo corpo, e identificada como ANA LUCIA AGOSTINHO DE MORAIS, Foi acionado o SAMU, e foi constatado o óbito. Blogdo Gesso


Governador sanciona lei do programa AVANCE, que beneficia universitários com bolsa de um salário mínimo


O governador Camilo Santana sancionou nesta terça-feira (15), durante transmissão ao vivo em sua página no Facebook, a lei que regulamenta o programa de educação AVANCE – Bolsa Universitário. O projeto auxilia alunos matriculados na rede pública de ensino superior com um salário mínimo (R$ 937) durante o primeiro semestre letivo ou meio salário durante o primeiro ano.
Nesta fase inicial, mil alunos já matriculados nas universidades públicas cearenses serão contemplados. “Esta é uma importante conquista para a educação do nosso estado. Estou muito feliz com este momento. Quero dizer a todos os alunos do Ceará que não desistam do sonho do curso superior”, incentivou Camilo Santana.
Para garantir o benefício, os alunos precisam estar matriculados em universidade pública, terem cursado o Ensino Médio na rede pública, serem membros do programa Bolsa Família e terem tirado média no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) igual ou superior a 560 pontos. Além do AVANCE, o chefe do Executivo sancionou a lei que implementa no Ceará a Universidade Aberta do Brasil (UAB), sistema de educação e formação à distância, com a criação e manutenção de Polos de Apoio Presencial.
A Lei que regulamenta a equiparação salarial de servidores da Polícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) com a média do Nordeste – como já fizera com as Polícias Militar e Civil, além do Corpo de Bombeiros – também foi sancionada pelo governador durante o bate-papo. “É um compromisso que tenho dado a todas as áreas da Segurança Pública, de forma igualitária”, recordou.
Durante a transmissão nesta terça-feira, dia de Nossa Senhora da Assunção, o governador também respondeu a dezenas de perguntas de internautas. Um dos questionamentos feitos foi sobre a nomeação de novos professores para a Universidade Regional do Cariri (Urca). “Vamos fazer a nomeação. Já nomeei professores da UVA e da Uece, agora vou nomear os da Urca. Mesmo no momento difícil, de crise econômica que o Brasil vive, de seca no Ceará, temos um compromisso com a Educação”, disse Santana.
Outro internauta questionou o chefe do Executivo quanto ao funcionamento do ramal Parangaba-Mucuripe do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). “Já está em teste de uso da população o trecho da Parangaba até a Borges de Melo. Está em operação assistida, gratuitamente, todos os dias, até meio-dia. A construtora que estava responsável pelo trecho Borges de Melo-Mucuripe estava muito lenta. Resolvi desfazer o contrato. Agora teremos mais celeridade na obra”.
O governador também informou, no bate-papo, que o edital para o concurso do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-Ce) sairá até o próximo mês.
Fonte: Governo do Estado do Ceará