Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 12 de junho de 2017

CRIMINALIDADE - Violência deixa 37 pessoas assassinadas no fim de semana no Ceará

Na Praça José de Alencar, em pleno Centro de Fortaleza, um jovem foi morto na noite de sábado

Na Capital, foram registrados 19 homicídios, sendo nove na sexta-feira, outros nove no sábado e um no domingo.
Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), foram sete homicídios nos seguintes Municípios: Pacajus (2), Maracanaú (2), Caucaia, Maranguape e Cascavel.

SERTÃO - No Interior, foram 11 crimes de morte. No Interior Norte, oito pessoas foram assassinadas nos seguintes Municípios: Itarema (três casos), Viçosa do Ceará, Caridade, Paracuru e Trairi.
Na Região Sul, apenas dois casos de homicídios foram contabilizados neste balanço parcial. Os assassinatos aconteceram nos Municípios de Campos Sales e Jardim, além de uma lesão corporal seguida de morte na cidade do Crato.

BANDIDOS MORREM - Dois casos de assaltos terminaram com seus autores mortos em reação de policiais. O primeiro caso ocorreu na noite de sexta-feira (9), quando três bandidos tentaram assaltar os passageiros de um ônibus da empresa São Benedito que fazia a linha Limoeiro do Norte-Fortaleza.  No momento do ataque, um policial militar que viajava no coletivo reagiu e matou, a tiros, um dos assaltantes. O fato ocorreu quando o coletivo seguia pela BR-116, à altura do Município de Pacajus, já na região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O segundo caso ocorreu na tarde de sábado, quando uma inspetora da Polícia Civil foi perseguida por um assaltante. A agente dirigia seu veículo no bairro Guararapes, em Fortaleza, quando acabou sendo abordada pelo ladrão. Ela reagiu e atirou, matando o assaltante. O morto foi identificado como Givanildo dos Santos Rufino, 21 anos, que trafegava numa moto roubada.
Em ambos os casos, os policiais se apresentaram à delegacia logo após o fato e prestaram depoimento, sendo liberados em seguida.

Família de Luiz Gonzaga vai processar funkeiro por versão pornô de “Asa Branca”


A família de Luiz Gonzaga acionará a Justiça contra MC Yuri por conta da música “Festa Junina da Putaria”, que leva a melodia de Asa branca.

“Tu vai sentar, tu vai quicar por cima do meu peru / MC Yuri, manda pra tu / Vem novinha, senta, quica, trava, arrasta com a x*** no meu peru”, diz um trecho da música. Após a repercussão negativa, o video foi retirado do canal “Detona Funk”, no YouTube, mas permanece disponível em outras contas.

Em entrevista ao Viver, do Diário de Pernambuco, a filha de Gonzagão, Rosinha Gonzaga, afirma que a “obra Asa Branca é um hino nacional”.

Segundo a publicação, a responsável por administrar os direitos autorais e uso de imagem do músico pernambucano, Editora Moleque, estuda junto a advogados a maneira correta de mover a Justiça para punir o funkeiro.

Na tural de São José do Rio Preto, em São Paulo, MC Yuri tem 19 anos. O seu empresário, identificado como Ademir, afirmou ao Viver que a intenção da música nunca foi ofender o público pernambucano. Além disso, revelou que um advogado está de prontidão para cuidar do caso. Segundo ele, os palavrões contidos na música pertencem ao funk. “É o gênero dele. O funkeiro não vai fazer uma música gospel”, justificou.

Confira vídeo
 
  

Fonte O Povo