Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com/WHATSAPP [88] 9 9788 5932

sábado, 10 de junho de 2017

Temer não responde perguntas da PF e pede arquivamento de inquérito no STF

A defesa do presidente da República, Michel Temer (PMDB), pediu nesta sexta-feira (9) o arquivamento do inquérito que corre contra ele no STF (Supremo Tribunal Federal), no qual é investigado por suspeita de envolvimento nos crimes de corrupção, organização criminosa e obstrução à Justiça.

Em petição assinada pelos advogados Antônio Cláudio Mariz de Oliveira e Sérgio Eduardo Mendonça de Alvarenga, e endereçada ao ministro do STF Edson Fachin, a defesa afirma que as 82 perguntas enviadas pela PF (Polícia Federal) se desviaram do tema do inquérito e, por isso, o presidente da República não as responderá.

Os advogados alegam que, embora o inquérito seja relativo a fatos relacionados ao exercício da função na Presidência, diversas perguntas referem-se a momentos anteriores ao mandato de Temer e a terceiras pessoas.

Uol

Postes ficam no meio da pista na CE-282, em Icó




Uma situação incomum está causando acidentes na CE-282, no município de Icó. Com as obras de restauração da rodovia, postes da rede elétrica acabaram ficando no centro da pista.

A obra, orçada em R$22 milhões, abrange um trecho de 36km e envolve serviços de drenagem, pavimentação, revestimento asfáltico e outras melhorias estruturais. Os trechos finalizados receberam sinalizações horizontais e verticais, mas têm causado problemas de segurança no tráfego dos veículos.

Em um dos trechos, o pedreiro João Paulo Batista Filho, de 33 anos, acabou perdendo a vida, no último dia 22 de abril. Ele trafegava de moto pela via quando não conseguiu desviar de um poste que, além de estar no meio da pista, fica em uma curva. Segundo a família da vítima, ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu três dias depois.

Além do poste que causou o acidente de João Paulo, pelo menos mais dois foram identificados na mesma situação. As reparações do trecho se iniciaram em abril de 2016 e têm prazo de 360 dias para conclusão. 

O Departamento Estadual de Rodovias (DER) informou que solicitou à empresa responsável pela obra a retirada dos postes. A Enel, responsável pela distribuição de energia no Estado, afirmou que enviou orçamento do projeto de retirada dos postes em novembro de 2014, mas não recebeu retorno. De acordo com a companhia, a retirada será realizada após a autorização.


Fonte TV Diário